quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Sobrinha grande: Quando a mãe e o pai forem deitar os manos, tu ficas aqui comigo, está bem?
: Fico aqui para quê? Tens de ir dormir. Amanhã também tens escola.
Ela: Eu sei tia. Mas só um bocado. Quero falar contigo.
: Porquê? O que se passa?
: Nada. Só falar... da vida. de coisas. Para estarmos juntas, sabes?!

Alguém cresceu. E eu... acho que nem reparei. A sério que ela tem quase 8 anos?

1 comentário:

maria umbelina disse...

É uma frase muito batida, mas passa a correr e às vezes nem reparamos :)